Frase do Dia...

“Uma cozinha geralmente é definida como uma culinária que deriva de uma cultura particular”

Márcia Algranti, 5763 (2005)

terça-feira, 24 de agosto de 2010

É hora de uma boa LASANHA...



Lasanha (lasagna em italiano) é tanto um tipo de massa em folhas (normalmente ondulada na América do Norte mas não na Itália), como também um prato por vezes chamado Lasanha no Forno feito com camadas alternadas de massa, queijo e ragu (um molho de carne).



História

A palavra lasanha provém da grega "lasanon" que significa pote de quarto. O termo foi depois emprestado pelos romanos como "lasanum" para significar pote de cozinhar. Os italianos usaram a palavra para definir o prato onde, hoje se sabe, era feita a Lasanha.
Apesar de tradicionalmente se acreditar que a lasanha é um prato tipicamente originado na Itália, tem-se evidências de que há um prato muito similar conhecido como "loseyns" (lê-se lasan), comido na corte de Rei Ricardo II no século XIV. Esta receita também figurou no primeiro livro de receitas da Inglaterra.
A lasanha foi primeiro documentada no século XIII, quando foi usado num prato às camadas, esta versão mais antiga não incluia tomate, pois este ainda não tinha sido descoberto pelos Europeus.

Fonte de pesquisa: http://pt.wikipedia.org/wiki/Lasanha

Mas vamos a receita,né???



Ingredientes:

01 pacote de macarrão para lasanha
300 gr presunto
300 gr mussarella
1/2 kilo carne moida (moer 2 vezes)
02 tomates picados
03 dentes de alho amassados
03 colheres de molho de tomate
400 ml leite
01 cebola picada
02 colheres amido de milho
01 creme de leite
02 colheres de requeijao cremoso
Oregano
Sal
Pimenta do reinio
Cheiro verde
Óleo ou azeite
01 colher de margarina

Modo de Preparo:

Coloque o macarrão para cozinhar em água fervente com um fio de óleo e 01 colher de sal, cozinhe até ficar al dente. Reserve.
Faça um molho com a carne, refogando no azeite com alho e cebola. Acrescentando o molho de tomate, cheiro verde, orégano, sal e pimenta do reino. Reserve
Faça um molho branco (Bechamel), utilizando o leite, cebola, margarina, sal, requeijão cremoso e creme de leite. Conforme foi postado aqui no blog dia 23.07.2010 (verifique). Reserve

Montagem

Em uma forma própria para lasanha, vá colocando as camadas:
Molho vermelho
Macarrão
Presunto
Queijo
Molho branco
Macarrão
Molho vermelho.

Leve ao forno pré aquecido a 180º por aproximadamente 30 minutos ou até derreter o queijo.

Bom apetite...

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Filé de Cioba ao forno...

Primeiro... 
Vamos conhecer o principal ingrediente dessa receita...



Cioba (Lutjanus analis) é um peixe teleósteoperciforme, da família dos lutjanídeos, presente no Atlântico Ocidental, podendo chegar a 75 cm de comprimento, coloração avermelhada com ventre mais claro, estrias escuras e douradas no dorso e nos flancos.
Também conhecido como areocóariocócarapitangacaraputangachiobaciobinhamulatarealitovermelho-paramirim. É um peixe de carne muito saborosa e apreciada comercialmente. Várias espécies do gênero Lutjanus são também conhecidas por cioba.


E que tal a receita?
Vamos nessa...


Ingredientes:

1 cioba-vermelho inteiro de aprox. 1,5 kg
5 tomates médios (600g), em metades
4 batatas grandes (1,2 kg), fatiadas espessamente
1 cebola grande (300 g)
2 coheres de chá de óleo de oliva
4 dentes de alho amassados
Suco de 2 limões
1 xícara de azeitonas pretas
1 xícara (125 ml) de vinho branco seco
1/2 colher de chá de açucar
3 colheres de chá de Alecrin, fresco ou não
1 pimentão vermelho
1 pimentao amareço
10 mini-batatas
Sal e pimenta do reino a gosto



Modo de Preparo


Tempere o peixe com sal, limão e pimenta do reino com pelo menos 1 hora de antecedência. Reserve. Não esqueça que nesta receita muitos ingredientes são adicionados sem sal, portanto não coloque pouco sal para o peixe nao ficar sem gosto. Mas também não exagere. Entende?






Coloque as metades de tomate, com o lado cortado para cime, na grelha do forno. Grelhe por 30 minutos em forno a aproximadamente 220ºC.




Cozinhes as batatas em panela com água fervente, descoberta, por aproximadamente 5 minutos ou até amolecerem. Escorra.





Corte a cebola ao meio no sentido logintudinal, e depois fatie em forma de gomos.






Em uma frigideira anti-aderente aqueça o óleo e cozinhe cebola, alho, cebola e alecrin. Refogue, acrescente metade do vinho. Mexa até os pedaços de cebola ficarem cozidos.



Montando o peixe na forma.


Coloque as batatas em uma travessa própria para forno, e cubra com a mistura de cebola preparada anteriormente.
Coloque o peixe sobre a mistura e em volta arrume os tomates, pimentões, mini-batatas e as azeitonas. 

Faça uma mistura do vinho com o açucar  e 1 limão. Despeje sobre o peixe.
Asse em forno quente a 200ºC por aproximadamente 40 minutos ou então até se perceber que a carne do peixe está passada.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

P.I.Z.Z.A




Pizza (também grafada piza em Portugal) é uma preparação culinária que consiste em um disco de massa fermentada de farinha de trigo, regado com molho de tomates e coberto com ingredientes variados que normalmente incluem algum tipo de queijo, carnes preparadas ou defumadas e ervas, normalmente orégano ou manjericão, tudo assado em forno por um pizzaiolo.

história da pizza começou com os egípcios. Acredita-se que eles foram os primeiros a misturar farinha com água. Outros afirmam que os pioneiros são os gregos, que faziam massas a base de farinha de trigoarroz ou grão-de-bico e as assavam em tijolos quentes. A novidade foi parar na Etrúria, na Itália.

Esta é uma pequena parte da história da pizza... Quem quiser, pode ler mais no site:


Vamos agora ao que interessa de verdade... A receita!!!



Ingredientes

20 colheres de leite morno
01 colher de fermento biológico
01 colher de margarina
01 ovo inteiro
01 pitada de sal
Farinha de trigo para dar liga (aproximadamente 3 xícaras)

Modo de Preparo

Dissolva no leite, o fermento, a margarina, o ovo e o sal. Misture bem.
Acrescente a farinha de trigo aos poucos e vá misturando. 
Depois de misturado, espalhe a massa em uma superficie lisa (mesa, balcao, pia) e amasse (sove) bem até ficar homogenea.
Amasse bem, até ficar macia.
Deixe descansar por 15 a 20 minutos.
Quem gosta da pizza mais grossa use a massa inteira. Quem gosta da pizza mais fina é só partir a massa ao meio e fazer 2 pizzas.
Abra a massa, espalhe na forma, leve ao fogo para pré assar em forno médio pré-aquecido (180º) por aproximadamente 10 minutos.
Retire do forno, coloque o recheio e volte ao forno para terminar de assar.




quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Frango Crocante

O frango é a ave mais comum utilizada na culinária e atualmente seu consumo está emparelhado ao de carne bovina.

A carne de frango é considerada uma carne branca, assim como a dos peixes; possui menor teor de gordura que a carne vermelha e é mais macia.

Entretanto, o que genericamente se chama de frango pode ter quatro  classificações, como: galeto, frango e frango caipira.

É muito importante saber qual o tipo de frango utilizado, uma vez que cada um possui um modo de preparo característico, influenciando no sabor da carne.


FRANGO CROCANTE




















Ingredientes

2 Colher(es) de chá Queijo parmesão ralado
1/2 Colher(es) de chá Sal
1 Unidade(s) Dente de alho amassado
4 Colher(es) de sopa Farinha de rosca
1 Xícara(s) Maionese
2 Colher(es) de chá Salsinha picada
1/2 Quilo(s) Coxa e sobre-coxa de frango (de preferência desossada),mas pode ser usada com osso mesmo
1 Unidade(s) Tomate grande sem sementes, picado
1/2 limão

A gosto óleo para untar

Modo de Preparo

Tempere o frango com limão e pimenta do reino à gosto. Não coloque sal, pois a maionese já tem sal e na farofa também vai sal.
Pré-aqueça o forno em temperatura média (180°c).
Unte um refratário retangular médio (30 x 19 cm) e reserve.
Em uma tigela, misture o queijo, o sal, o alho e a farinha de rosca. Reserve.
Em outra tigela, misture a maionese e a salsinha. Reserve.
Espalhe a maionese com salsinha sobre todas as partes das coxas e sobrecoxas de frango e passe-as pela mistura de farinha de rosca.
Coloque o frango no refratário reservado, por cima coloque uma porção de tomates picados por cima e leve ao forno por 30 minutos ou até dourar.


Dica:
Quanto mais queijo ralado colocar, mais crocante vai ficar.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Anfitrião perfeito!!!

Sabado 14.08.2010 fui convidado para um jantar intimista na casa de um novo amigo....

Como adoro conhecer gente nova...
Ainda mais quando as pessoas vem repletas de conhecimentos e gostam de nos passar isso... Gosta de compartilhar isso, em conversas inteligentes e prazerosas...

Então agora imagine um sabado perfeito...

Primeiro o meu querido amigo Marcelo nos convida para um jantar... Nos recepciona em sua casa, que por sinal é belissima, nos serve um frisante e somos convidados a ir até o Cais assistir a Orquestra Sinfonica do Estado de Mato Grosso... Nossa... Apaixonante!!!


Voltando a casa do Marcelo, ele nos brindou com um jantar excepcional!!!



Entrada

Salada

Frango desfiado, uvas passas, Acelga eum molho de manjericão (maravilhoso)... A combinação é fabulosa.



E mais frisantes... Deliciaaaa!!!

Veio entãoo prato principal

Risoto de tomate seco, com rúcula e mussarela de bufala, mas com um segredinho... Ele faz um molho de tomates para acrescentar no risoto... A sugestão é muito boa!!!





E ele anda nos serve... Perfeito isso, não???






Voce acha que parou por aí...

Ainda teve sobremesa...

Strogonoff de Chocolate

Servido com sorvete de creme e nozes...



Olha o passo a passo da receita...



Resumindo tudo...

A noite foi perfeita...

Olha a cara dos convidados


sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Rocambole Tradicional (Pão Recheado)

Faz alguns dias, recebi um e-mail com uma receita de Rocambole.
Deixei de lado, pois nao sou muito de fazer pães e bolos...
Hoje estava relendo os e-mails antigos e a receita estava lá...
Resolvi testar...
Ficou uma delicia!!!






Ingredientes

2 tabletes de fermento biológico fresco
1 copo de leite (200 ml)
1/2 kg de farinha de trigo
1 unidade de ovo
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de óleo de soja
quanto baste de sal
1 colher (café) de açúcar

Recheio

400 gr de presunto sem capa de gordura
400 gr de mussarela
5 unidade(s) de tomate picado(s), sem pele(s), sem sementes
quanto baste de orégano
1 lata de milho verde em conserva

Modo de Preparo


Misture todos os ingredientes da massa, amasse bem ate desprender da mão.  Um dos segredos está no sovar da massa. Divida a massa em duas partes (para dois rocamboles). Abra a massa (não muito fina) com o rolo, distribua o presunto, a mussarela, o milho e os tomates picados. Se gostar coloque uma pitada de orégano. Enrole a massa com o recheio como rocambole. Coloque na forma e deixe descansar por 20 minutos. Se o tempo estiver frio, deixe descansar por 30 minutos. Faça o mesmo procedimento com a outra parte da massa. Depois da massa crescida, pincele com gema e leve para assar em forno médio, pré-aquecido, por aproximadamente 30 minutos.
























quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Patê

Patê de Frango





Ingredientes

1 peito de frango (cozido e desfiado)
1 lata de creme de leite (com soro)
1 tablete de caldo de galinha
1 vidro de maionese
Orégano a gosto

Modo de Preparo

Na panela de pressão cozinhar o peito de frango (temperado a gosto) junto com o tablete de caldo de galinha.
Depois de frio, desfie o peito de frango e bater no liqüidificador juntamente com o creme de leite, a maionese e o orégano, até ficar bem homogêneo
 
 
Patê de Azeitona
 
 


Ingredientes

3/4 xícara de azeitona preta sem caroço
100 g de creme de leite
100 g de ricota
2 colheres de azeite de oliva extra virgem
Sal a gosto
 
Modo de Preparo
 
Bata todos os ingredientes no liquidificador

Coloque em um recipiente
Leve ao refrigerador por 2 horas para ficar firme antes de servir

Sirva com canapés ou sanduíche

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Coquinho caramelizado



Ontem fui na 38ª Exposul, feira agropecuaria que acontece todos os anos na minha cidade, Rondonópolis-MT.
Tinha como ponto principal, levar minha mãe para ver o show do grupo católico Anjos de Resgate...
O show foi excelente... Tocante!!!
Mas a feira é a mesmice de todos os anos... Salvo pelas guloseimas que são ótimas...
Nao gosto muito de doces, mas tem um que sou fã, acho que pelo fato de nao ser muito enjoativo...
Pesquisei a receita e espero que gostem...



Ingredientes
 
01 coco inteiro e seco
2 xícaras (chá) de açúcar
1/2 xícara (chá) de água


Modo de Preparo

Corte o coco em tiras e depois em quadradinhos de 1 cm x 1 cm.
Numa panela média, coloque todos os ingredientes e leve ao fogo alto, mexendo sempre no mesmo sentido para cozinhar o coco e secar a calda. Abaixe o fogo, continue mexendo no mesmo sentido até o açúcar caramelar em todos os pedaços de coco.

Retire do fogo e espalhe numa forma. Deixe esfriar. Separe os pedaços que grudarem.

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Strogonoff de Carne



Uma receita tradicional da Russia, mas que faz grande sucesso entre as mulheres independentes do século XXI, é o Estrogonof de Carne muito saboreado por milhares de pessoas, e é também um dos dez partos mais vendidos no mundo.

São inúmeras as receitas atuais existentes, tem de frango, camarão, com requeijão e até mesmo com leite de coco. Existem também várias histórias de como surgiu esse prato delicioso, dizem que surgiu no século XIV, na região de Novgorod, onde a família Stroganoff recebia em seu castelo os vizinhos para apreciarem receitas “inventadas” por eles, e em uma das festas dada pela família, a baronesa Nikolie Stroganoff serviu a seus convidados carne bovina e suína em tirinhas flambados na vodka, juntamente com cebola em rodelas, cogumelos molho de tomate e nata. Com o passar dos anos a receita foi sendo modificada, ao invés de molho de tomate, juntou o Ketchup, como tempero o molho inglês, trocou a nata por creme de leite.

E para aqueles que gostam de apreciar esse prato, mas gostam de cardápios saudáveis, segue um passo a passo de um delicioso STROGONOF DE CARNE.

Ingredientes:

1kg de alcatra
100 ml de conhaque
250g de de cogumelos frescos ou em conserva
200ml de molho de tomate peneirado
1/2 xícara de creme de leite
1 cebola roxa
2 dentes de alho
1 colher de chá de pimenta do reino (de preferência moída na hora)
1 colher de chá de sal
4 colheres de sopa de óleo
2 colheres de sopa de maizena
1/4 xícara de água


Modo de preparo:

Corte a carne em cubos ou mesmo tirinhas, tempere com sal e pimenta do reino, reserve.
Em uma panela, esquente o azeite, coloque a carne para fritar, esperando secar toda a água que a carne soltar, deixe fritar um pouquinho, acrescente o conhaque e "flambe", ou seja, coloque fogo no conhaque e deixe evaporar todo o alcool.
Acrescente o alho, a cebola, frite um pouco, em seguida coloque o cogumelo, o molho de tomate e um pouco d'agua, deixe cozinhar bastante até engrossar o caldo.
Acerte o sal.
Dilua a maizena em leite ou água, acrescente e mexa para terminar de engrossar.
Acrescente o creme de leite, mexa um pouco, desligue o fogo e sirva acompanhado e arroz branco, batata palha e salada.

domingo, 8 de agosto de 2010

CALDO VERDE DO LÉO... By Glaucia!!!

Como é bom estar rodeado de pessoas importantes na nossa vida...
Encontrar amigos, matar as saudades... Ver que o tempo passa, mas o carinho é tão grande que jamais diminui...
Ontem fui visitar amigos...
Foi uma delícia...



Nos reunimos para apreciar uma obra de arte...
O Caldo Verde do Léo...



Ingredientes:

250 grs de Ervilha
02 Batatas grandes
400 grs de Mandioquinha (batata baroa)
01 Cebola picada
200 grs bacon picado
01 Calabresa picada
Sal e pimenta-do-reino a gosto
02 Folhas de couve, picadas e fritas na manteiga
02 Colheres de manteiga


Modo de preparo

Em uma panela de pressão, frite o bacon e a calabresa na manteiga. Acrescente o alho e a cebola, refogue. Coloque a batata e a mandioquinha cortadas em cubinhos, a ervilha e cubra com água. Tampe a panela e cozinhe em fogo médio por aproximadamente 20 minutos. Retire a pressão, volte a panela ao fogo, acrescente a couve, acerte o sal, coloque a pimenta. Espere engrossar o caldo e sirva acompanhado de torradas.



 
Tive ainda que colher depoimentos sobre essa iguaria, para provar que não estou exagerando...
 
DERLY - Falar que é bom seria muito pouco... Simplesmente maravilhoso!
 
SANDRINHA - Gostei muito... Perfeito!!!
 
GÊ- Ótima opção para dias frios...
 
HENRIQUE - A melhor opção para reunir amigos e comemorar qualquer data especial, principalmente em dias de frio - uma raridade em nossa cidade - Simplesmente perfeito!!!
 
MARCELO - Famoso... Superou as expectativas
 
FLAVIA - Não como linguiça e bacon, mas mesmo assim, delicioso.
 
RICARDO - Delicioso... Gostinho de quero mais!!!
 
LUIS LIMA - Uma iguaria simplesmente deliciosa. Simples e perfeita!!!

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Combinando Vinho e Comida!!!

Atendendo a solicitação de um amigo muito querido, Henrique Mano.
Ele pediu que eu postasse combinações de vinhos e comida.
Achei um texto muito interessante e com dicas perfeitas...

Esperoque gostem!!!


* Dicas Rápidas para usar e lembrar...




Como o Vinho é uma bebida que possui tanto variações nas uvas quanto nos processos utilizados pelos produtores. O resultado final de cada rótulo de Vinho é bem diferente um do outro. Assim não só o vinho tinto é diferente do branco, quanto um rótulo é diferente do outro.

O Vinho pode ser ácido, doce, adistringente, tanino, encorpado, leve, e ter diferentes combinações destas características. E estas características vão afertar seu paladar na hora de tormar vinho, em um almoço ou jantar. A refeição escolhida pode ou não combinar com o Vinho, e esta combinação, se for muito ruim, pode dificultar a apreciação tanto da comida quanto do Vinho.

Assim existem listas de combinações entre vinhos e comidas, mas você não vai decorar aquela lista que você recebeu no mercado sobre quais vinhos combinam mais com que comidas. Vai ?

Assim elaborei um conjunto de dicas que permitem que você compreenda melhor o porquê destas combinações, e, se não fizer a combinação perfeita, entre vinho e comida, pelo menos pode chegar perto e não complicar nem um nem outro.

Primeiro entenda que o Vinho é parte essencial da composição de um almoço ou jantar, ele também é um dos alimentos, ou ingrediente da refeição, e portanto ele influencia no paladar do alimento e vice e versa, podendo valorizar ou destruir uma receita.

Uma regra básica é : Carnes e Massas combinam com vinhos tintos, Peixes combinam com vinhos brancos.

MAS NEM SEMPRE. Embora esta seja a base não leve esta regra como uma lei pois você precisa ter alguma flexibilidade.

Outra regra básica é que : Vinhos sempre combinam com os pratos das regiões de origem.

Um Vinho Português em geral combina bem com comida portuguesa e um Vinho Espanhol com a culinária espanhola. Indo mais longe, um Vinho Tempranillo Crianza Espanhol combina bem com a Paella.

A exceção está nos vinhos do novo mundo, como Estados Unidos e Austrália, pois são produzidos para o mercado mundial e não para suas regiões de origem.


A partir daí você deve seguir as dicas de combinação vinho x comida abaixo :

* Sabor : Combine o sabor pela Similaridade
* Nas Carnes você deve usar um Vinho mais potente e complexo.
* No Frango Marinado, você deve combinar com um Vinho Tinto mais Frutado
* No Salmão Grelhado você pode tomar um Vinho Branco Leve e Refrescante

* Acidez : Combine a acidez pelo Contraste
* Para Massas com Molho de Tomate você pode combinar com um Vinho Tinto menos acido
* Para Massa com um Molho Cremoso você combina com um Vinho Tinto mais ácido

* Corpo : Escolha um vinho que suporte o alimento
* Para prato mais leves combine com Vinhos mais jovens.
* Para pratos mais fortes combine com Vinhos Encorpados.

Um exemplo, para que você entenda a combinação entre vinho e comida. A Feijoada é um prato forte, onde a Laranja combina bem. Portanto podemos ter um Vinho Tinto Encorpado com bons Taninos, que vai combinar bem com o prato forte, ou também escolher um Vinho Branco Cítrico pois sabemos por similaridade que os sabores cítricos, como o da Laranja, combinam com a Feijoda.

Outro exemplo, se preparamos uma massa com molho de tomate, podemos combinar com um Vinho Tinto Jovem de baixa acidez, ou se você preferir tome um Vinho Branco Frutado.


Com estas dicas vocês terá um pouco mais de facilidade em combinar vinho e comida.

 
Fonte de pesquisa:

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Comer sem culpa!!!

Sou uma pessoa que adora comer... Sempre!!!
Isso me faz sofrer um pouco... Pois tenho sempre problemas em controlar o peso...
Estou tentando entrar na onda da vida mais saudável...
Segue abaixo algumas dicas para tornar a vida mais "leve"...



Dicas Para Cortar Algumas calorias do Dia a Dia


-No lugar do leite integral, beba leite desnatado.

-Substitua o pão francês pelo pão de glúten light.

-Troque o açúcar por adoçante.

-Substitua o queijo prato pelo queijo fresco.

-Substitua os iogurtes naturais pela versão light.

-Escolha a versão light da maionese.

-Substitua a colher de sopa pela de sobremesa para medir temperos.

-Na hora do aperitivo, escolha tiras de cenoura crua ou pepino em conservas e esqueça o amendoim e frituras.

-Faça seu hambúrguer e nuggets no forno.

-Prefira tabletes de temperos prontos no lugar de molhos prontos em lata.

-Coma macarrão com tomates frescos e sem queijo ralado.

-Troque a pizza de calabresa por mussarela.

-Prefira pastel assado ao pastel frio.

-Melhor escolher torta de legumes do que torta de queijo.

-No restaurante, não coloque molho extra ou temperos nos pratos prontos.

-Substitua o refrigerante pela versão light.

-Se for comer doces, prefira os que não têm creme no recheio.

-Prefira chicletes sem açúcar.

-Antes de ir a uma festa, coma uma fruta. Ajuda a não devorar tantos salgadinhos.

-Carregue na bolsa uma fruta ou barra de cereal para a hora da fome.

-Coma bem de manhã, menos na hora do almoço e menos ainda à noite.

-Corte uma boa parte do sal da sua alimentação. Ele retém líquidos e faz inchar.

-Prefira macarrão em tiras (espaguete, talharim, fusili) no lugar de recheados (ravióli, caneloni) ou massudos como o nhoque.

-Coma tudo em pratos de tamanho menor.

-Coma as sobremesas de sempre, mas apenas a metade.

-Sempre retire a pele de aves. A pele das aves é muito rica em gorduras, que aumentam o colesterol e as calorias do preparo;

-Evite ou diminua a ingestão de produtos embutidos como salsichas, salames, presuntos, mortadelas, patês;

MOLHOS PARA SALADA

Gente...
Esqueci...
Postei salada e esqueci de colocar receita de molhos...
Segue algumas sugestões que são deliciosas...


Molho de Agrião

Bata no liquidificador por 3 minutos: 1 xícara (chá) de folhas de agrião 1 xícara (café) de azeite 1 xícara (café) de óleo 1 xícara (café) de vinagre sal e pimenta do reino a gosto Coe a mistura.


Molho de Mostarda e Mel

Bata no liquidificador por 3 minutos:

1 xícara (café) de azeite
1 xícara (café) de óleo
1 xícara (café) de vinagre
1/2 xícara (café) de mel

Coloque a misturanum recipiente e acrescente 

2 colheres (sopa) de mostarda em grão.
Misture bem e sirva.


Molho de Manga

Ingredientes:

1 manga, madura descascada e picada
2 colheres (sopa) de suco de limão
4 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de sementes de mostarda
1 dente de alho pequeno
2 colheres (chá) de gengibre ralado
1 colher (chá) de curry
1 ½ colher (chá)de sal

Modo de Preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Coloque em um recipiente com tampa e leve à geladeira.


Molho de Iogurte com Hortelã

Ingredientes:

1 pote de iogurte desnatado
1 colher (sopa) de hortelã fresca picada
1/2 colher (chá) de pimenta-do-reino
1 colher (sobremesa) de suco de limão
1 colher (chá) de azeite
sal a gosto
água (suficiente para diluir)

Modo de Preparo:

Misture bem todos os ingredientes e acrescente a água no final, para tornar a consistência mais diluída.


Molho de Gorgonzola

Ingredientes:

3/4 xícara de chá de creme de leite fresco
200g de queijo gorgonzola
2 colheres de sopa de nozes picadas
sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Amasse o gorgonzola com o creme de leite e acrescente os ingredientes restantes.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

CACHORRO QUENTE

Gente...

Quem não gosta deum delicioso Cachorro Quente?
Duvido que tenha alguem que nao goste...

Pensando nisso...
Fiz hoje, exatamente agora um delicioso...
Minha mae disse que ficou maravilhoso...

Veja o passo a passo:

Ingredientes:

01 kilo salsicha
01 tomate picado
01 cebola picada
01 colher de colorau
04 colheres de molho de tomate
01 colher de azeite
300 ml agua
Cheiro verde a gosto
Sal, pimenta do reino e orégano à gosto


Modo de preparo:

Frite o alho e a cebola no azeite quente. Em seguida acrescente o tomate e refogue. Junte o molho de tomate e misture bem. Acrescente a salsicha. Continue refogando.
Acrescente o cheiro verde, a pimenta do reino, o régano e acerte o sal. Misture bem.
Coloque um copo 300 ml de água. Deixe ferver.
Assim que engrossar o caldo, está pronto.



Sirva com pão de cachorro quente, pão frances, com arroz branco ou simplesmente puro...
Delicioso...

terça-feira, 3 de agosto de 2010

SALADA!!!

Ontem eu conversando no msn com minha querida Melissa Bernardelli, ela disse que estava olhando as receitas de petiscos...
Perguntei se estava gostando do Blog... Ela respondeu que sim...
Pediu que eu postasse receitas de saladas...
Realmente, está faltando mesmo...
Vou começar colocar sempre umas saladinhas por aqui...

Começando com uma básica...
Segue os ingredientes:



















Modo de preparo:

Corte bem todosos ingredientes.
Em uma vasilha misture os ingredientes.
Tempere com vinagre, azeite e sal.
Sirva a seguir.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

A.P.E.R.I.T.I.V.O.S

Você está em casa...
De repente chega visitas e nao sabe o que fazer...
Você pensa:
Sirvo um salgadinho destes industrializados?
Ou preparo um aperitivo diferente, saboroso e inusitado?

Sabe que comemos primeiro com os olhos, com a imaginação, com as cores e os formatos...
Depois com o paladar...

Pensando nisso, coloco aqui duas opções de aperitivos para você servir para as visitas inesperadas ou mesmo como entrada em um jantar.


BATATA MINI COM TOMATE SECO, RUCULA E MANJERICÃO
















Ingredientes:

10 mini batatas
200 gr Tomate seco
Folhas de Rucula
Folhas de Manjericão
Sal grosso

Modo de preparo:

Cozinhe as mini batatas com pouco sal. Não descasque.
Depois de cozidas, corte ao meio e reserve.
Corte os tomates secos com pedaços do tamanho das metades da batata.
O mesmo com a rúcula e o manjericão.
Vá montando.
Batata,Tomate seco, rucula e manjericão.
Coloque numa bandeija o sal grosso e por cima sirma os aperitivos.


TOMATE CEREJA RECHEADO COM PATÊ DE ATUM












Ingredientes:

20 tomates cereja
01 lata de atum ralado
02 colheres de maionese
Cheiro verde

Modo de preparo:

Corte o tomate cereja na parte superior, retirando a tampinha. Em seguida retire toda a semente, deixando-o oco. Reserve.
Numa vasilha misture a maionese, o atum e o cheiro verde. Reserve.
Em um saquinho, coloque a mistura do atum, corte o biquinho e recheio os tomates.
Sirva gelado.

Pimenta do Reino...

Dando sequência aos temperos, um que nao pode faltar é a velha e saborosa Pimenta do Reino!!!




A pimenta do reino pode ser encontrada em 4 variedades, verde, branca, vermelha e preta. Temos que tomar cuidado para não confundir a pimenta vermelha com a rosa, apesar de serem parecidas ambas tem o sabor bem diferenciado e a pimenta rosa é originária do Brasil.

A pimenta do reino foi trazida pelos europeus e é um dos temperos mais antigos do mundo. Na idade média era muito utilizada para disfarçar alimentos em decomposição, já que não existiam maneiras eficazes de armazenar alimentos, principalmente carnes e pratos prontos.

O principio ativo que dá a sensação de ardor é a piperina, a qual pode ser utilizada na medicina fitopetapeuta no combate à malária, inflamações e ataques epléticos.

A Pimenta do Reino é muito versátil, podendo ser aplicada em geral, mas lembre-se de não abusar, pois em excesso pode causar irritações gastrointestinais e até ulceras.